Como prevenir o entupimento da pia da sua cozinha

Desde o planejamento do encanamento  e da pia é possível minimizar os danos. Preferir a utilização de tubos mais largos e evitar fazer curvas com a tubulação: com mais  espaço e sem quinas,  é mais difícil que algum objeto  grude no cano e provoque o entupimento

E tem melhores maneiras para evitar entupimentos na pia de cozinha, como ter cuidado com o que se  descarta no ralo. Os quatro  maiores inimigos do ralo de cozinha e como evita-los são: 

  1. Óleo de cozinha: para descartá-lo, colocar em um recipiente com tampa (garrafa PET ou embalagem de vidro) e entregar à coleta seletiva ou postos de coleta (o resíduo é reaproveitado na produção de sabão e de biodiesel); estes insumos não são diluídos em água, e além de causar entupimentos da pia da cozinha, acabam por dificultar a limpeza do esgoto nas estações de tratamento. 
  1. Pó de café: jogar sempre no lixo; a aparentemente inofensiva borra de café é uma das maiores vilãs quando se trata de pias de cozinha. Aquele resto de pó de café costuma colar nas paredes dos canos junto com a gordura dos utensílios, formando um bolo  pegajoso que a  água não consegue ultrapassar. 
  1. Espuma do sabão: a espuma, com o tempo, vai sedimentando e acumulando juntamente com outros detritos sólidos nas paredes do tubo, reduzindo ou até obstruindo o escoamento. Para evitar essa situação, deixar escorrer toda a espuma da pia para o ralo e deixar  alguns segundos  a água da torneira ligada. 
  1. Gordura e restos de comida: a gordura gruda na tubulação antes de chegar na caixa de gordura (que deve ser limpa a cada 6 meses), e faz com que os restos de comida fiquem presos nesses sedimentos de gordura grudados no cano, deixando a passagem de água  cada vez mais difícil. 

Para não entupir a pia da cozinha, é preciso jogar os restos de comida em um lixo, limpando os pratos antes de lavar a louça; também é necessário retirar o excesso de gordura dos pratos  com um pedaço de papel  para que a mesma não vá para o encanamento, uma prática que, além de ajudar a evitar entupimento da pia, também ajuda a economizar água. 

Na hora do preparo de alimentos, é bom também tampar a entrada do ralo com uma rede/peneira,  evitando que as cascas,  folhas e restos caiam  dentro da tubulação. 

Pontas de embalagens e etiquetas também devem ser descartadas, podendo causar sérios problemas no encanamento

Outra dica é ferver 2 litros de água e jogar no ralo da pia da cozinha, tanto para evitar que entupa quanto para desentupir a pia da cozinha, fazendo com que a gordura desgrude da tubulação e vá para a caixa de gordura. Se atente em não jogar água fria depois da quente,  é preciso deixar os  tubos esfriarem naturalmente. 

desentupimento pode ser feito, ainda, com produtos à base de soda cáustica (disponíveis em lojas especializadas e na seção de limpeza de grandes supermercados). O químico é jogado no ralo da pia, age por alguns minutos e depois é limpo com água corrente, sem que tenha a necessidade de contato com este produto pois é perigoso e tóxico, então deve ser usado longe de crianças e com muito cuidado. 

Mas caso não consiga desentupir, mesmo seguindo essas dicas, não se preocupe: a Hidrosmart está aqui para ajudar, contando com muitos profissionais filiados, todos altamente  qualificados em sistemas  de desentupimento, limpa-fossa, hidráulica,  dedetização,  encanador, descupinização  e higienização. 

Como objetivo principal, a Hidrosmart executa todos os serviços  com extrema qualidade.

A pia entupiu, e agora, o que fazer? 

Aprenda a desentupir em 5 passos. 

  1. Com um desentupidor comum 

A sua pia entupiu e você não tem um desentupidor comum em casa? Então, este é o momento mais apropriado para adquirir um. Em qualquer casa de construção, ou até mesmo nos supermercados, é possível encontra-los. 

Para começar, encha a pia até a metade com água quente. Em seguida, coloque o desentupidor sobre o  ralo e comece a exercer  pressão, fazendo movimentos rápidos de cima para baixo. Após alguns segundos, puxe o desentupidor completamente para cima e verifique se a água consegue escorrer normalmente. Caso a água desça  devagar,  continue a pressionar para ajudar. 

  1. Água quente e detergente 

A gordura é uma das causas mais comuns para o entupimento da pia da cozinha. Uma boa ideia, que se pode fazer até mesmo no dia-a-dia para evitar o entupimento, é limpar o encanamento. Como? Dissolva o detergente para lavar 

louças em 5 litros de água bem quente e vá despejando o liquido aos poucos pelo ralo da pia. A mistura deve eliminar a gordura e desobstruir o encanamento. 

  1. Vinagre e bicarbonato de sódio 

Outra solução fácil de fazer com ingredientes que sempre têm-se à mão na cozinha, é uma mistura de vinagre branco e bicarbonato de sódio. Antes de começar, retire toda a água parada da pia e limpe os restos de alimentos. Na sequencia, despeje uma xícara de chá de bicarbonato de sódio no ralo da pia, certifique-se de que todo  o pó está no ralo.  Logo, despeje a  mesma quantidade de vinagre branco e deixe agir por 5 minutos. 

Para finalizar, vá despejando 4 xícaras de água fervente para limpar a solução e desobstruir o cano. Se não funcionar, repita o procedimento mais uma vez. 

  1. Limpe o sifão 

Problemas relacionados ao entupimento não acontecem apenas nas cozinhas, mas também nos banheiros e áreas de serviço. Enquanto na cozinha a gordura e restos alimentícios são as principais causas do problema, nos demais cômodos outros elementos  levam ao entupimento,  como por exemplo fios de cabelo. 

Antes de abrir o sifão da pia, coloque um balde sobre o mesmo para que caia a água parada. Em seguida, desrosqueie a sua parte móvel (o tubo curvo que conecta a peça vertical com a horizontal). Normalmente, pode-se realizar esta operação com as  próprias mãos, mas  caso seja necessário  utilize uma chave 

inglesa. Com a ajuda de um arame, limpe esta peça por dentro, retirando todos os detritos que estejam aí. 

  1. Sonda de drenagem 

Se após a limpeza do sifão, a sua pia continua entupida, o melhor mesmo é utilizar uma sonda de drenagem para uma limpeza mais profunda. Este processo já é um pouco mais delicado e pode exigir a ajuda de um profissional ou alguém mais experiente. 

Desrosqueie novamente a peça conectora do sifão e remova o tubo horizontal (o que fica conectado à parede). Insira a sonda de drenagem profundamente, até que a mesma não entre mais com tanta facilidade. Então, aperte o seu parafuso de bloqueio e gire a alça no sentido horário. Ao mesmo tempo, vá fazendo movimentos para a frente e para trás. Quando sentir que algo foi fisgado, comece a puxar a sonda. Reconecte todas  as partes do sifão e ligue a torneira para verificar se a água escorre com facilidade. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *